Milímetro Perdido (22/03/21)

 

A faixa aborda a evolução humana e as relações contemporâneas.

No âmbito melódico, o artista dialoga principalmente com o rock alternativo.

 

Para o músico, Milímetro Perdido também reflete sobre a pandemia do COVID-19. “Estamos em um período muito complicado. É impossível não refletir e repensar a vida em algum momento. Me ocorreu de ter um impulso para investir em um home studio. Venho estudando bastante para desenvolver as minhas canções da melhor maneira possível”.

Amanhecer (20/04/21)

 

Para o compositor, Amanhecer traz uma mensagem de harmonia. “É sobre entender que cada um tem a sua jornada. Portanto, mais vale compartilhar o amor e crescer lado a lado do que tentar passar por cima dos outros. Vejo que tanto a letra, quanto a melodia, que é recheada de acordes dissonantes, traduzem essa mensagem”.

Ctrl C (26/05/21)

"O homem sempre tentou ser como Deus”. Essa é a premissa do novo single Ctrl C. A faixa traça um paralelo entre a tecnologia contemporânea e a tentativa da humanidade em se igualar àquele que é responsável pela existência. Ctrl C é recheada de elementos de psicodelia e rock alternativo.

 

O cantor explica sobre o título do novo single: “Escrevi essa música depois de ler uma reportagem sobre clonagem. Ela me fez refletir sobre o quanto o homem busca ter o poder de Deus, tanto na conquista espacial, quanto na genética. Por isso, o título 'Ctrl C’”.